o que faz uma imobiliária

Em uma locação, o que faz uma imobiliária?

Continua crescendo o número de pessoas que opta por alugar seus imóveis diretamente com o inquilino. Na maioria dos casos, isso acontece porque não se sabe exatamente o que faz uma imobiliária. Se todos soubessem o quanto esse intermédio é importante, ninguém escolheria ficar sem uma parceria dessas.

Se você faz parte desse grupo que não sabe o que faz uma imobiliária, não se preocupe! Com as informações que nós trouxemos neste texto, você saberá exatamente a função dessas empresas em meio a um processo de locação. Além disso, nós ainda explicamos como funciona a nossa remuneração e mostramos por que optar pela parceria.

Continue a leitura e entenda!

 

O que faz uma imobiliária?

Quando o assunto é aluguel de imóveis, a função da imobiliária é, basicamente, garantir todos os direitos e deveres tanto do proprietário quanto do inquilino. Tudo isso ocorre por meio do contrato de locação, que é desenvolvido pela imobiliária. Com o conhecimento do mercado, além da experiência de anos, ela garante que nenhum item de relevância fique para trás.

Todo o processo é feito de acordo com a Lei do Inquilinato, o código que prevê todas as normas relacionadas a locações.

Ela também intermedia a comunicação entre as partes. Caso o inquilino queira solicitar ao proprietário algum tipo de manutenção, ele fala com a imobiliária e ela entra em contato com o dono. Algo parecido ocorre com o pagamento do aluguel. O inquilino paga para a imobiliária, que, por sua vez, faz o repasse ao proprietário.

 

Como ela é remunerada?

Para além de o que faz uma imobiliária, outra dúvida comum que o público costuma ter a respeito dessas empresas é a forma de remuneração. Como as imobiliárias ganham dinheiro? É simples: através das taxas que devem ser pagas pelo proprietário do imóvel. Muitas vezes são essas taxas que fazem com que as pessoas desistam de contar com uma imobiliária, mas, como você verá em seguida, os benefícios fazem valer a pena.

Uma das taxas é a taxa sobre o primeiro aluguel — quando o imóvel é alugado ou realugado, o valor do primeiro aluguel (ou parte dele) vai para a administradora e destina-se a sanar todo tipo de despesa, desde a captação até a efetiva entrega das chaves do imóvel (avaliação, placas, fotos, vídeo, visitas, cadastros, contrato, vistoria, etc).

Há também a taxa de administração do imóvel, que são os honorários mensais. Como a imobiliária fica responsável pelo contrato, o proprietário deve pagar um valor referente a este serviço, que normalmente é um percentual que varia de 10% a 20%, dependendo do tipo de contratação, se aluguel com repasse garantido ou não garantido.

O valor de cada uma dessas taxas varia de acordo com a imobiliária, sendo que este, aliado com as garantias que cada empresa oferece em seu rol de serviços, costuma ser um fator decisivo para a escolha do proprietário.

 

Por que optar pela parceria de uma imobiliária?

Para garantir sua segurança. Se você optar por alugar o seu imóvel diretamente com o inquilino, é bem possível que se incomode com algumas questões pontuais.

A primeira delas é o contrato, pois uma vez que ele faz lei entre as partes, por não ter conhecimento na área, a possibilidade de que você acabe deixando algo importante para trás é muito grande.

Em locações particulares é comum verificarmos a entrega de chaves sem passar pela vistoria. O termo de vistoria de entrada do imóvel locado é o documento que serve para verificar em quais condições ele foi entregue ao locatário e, por isso, a forma mais segura de evitar problemas entre as partes na hora da devolução do mesmo, já que deve ser devolvido da mesma forma em que foi recebido. Essa garantia é adotada pela maioria das imobiliárias, muitas vezes acompanhada de muitas fotos e vídeos comprobatórios.

Além da falta de assessoria para um contrato de locação e vistorias profissionais, você acaba não tendo nenhum tipo de garantia — tanto em relação ao pagamento quanto ao estado do imóvel após a saída do inquilino.

Por fim, problemas entre inquilino e proprietário de imóvel alugado são muito comuns. A maioria das discussões são sobre reparos no imóvel, de quem é a responsabilidade do conserto, sobre as contas a serem pagas, sobre reajuste no valor da locação e aplicação da lei na hora da venda ou da necessidade de reaver o imóvel para uso próprio ou de algum familiar.

 

E aí, entendeu o que faz uma imobiliária? Viu como é importante contar com uma? Com a parceria de uma imobiliária, ela garante que tudo fique da melhor maneira possível para o proprietário. Se você tem um imóvel que queira alugar e quer garantir conforto e segurança, entre em contato com a Adriano Imóveis; nós facilitamos o processo para você!

Por fim, caso tenha gostado do texto, siga-nos no Facebook e no Instagram para receber mais!

Você pode gostar

orçamento mensal

Como definir um orçamento mensal de gastos com aluguel?

alugar ou financiar

Alugar ou financiar um imóvel: qual a melhor opção?

reformas que valorizam um imóvel

3 reformas que valorizam um imóvel

kitnet

Loft, flat, studio e kitnet: qual é a diferença?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *