boa notícia proprietários coronavírus

Uma boa notícia para os proprietários em meio ao coronavírus!

Toda a pandemia causada pelo novo coronavírus, também conhecido por seu nome técnico COVID-19, está trazendo graves consequências por todo o mundo. Além de o vírus ser uma ameaça à vida da população — tendo infectado, até a publicação deste texto, cerca de 700 mil pessoas distribuídas por diversos países em todo o planeta —, ele também atrasa a vida das pessoas.

Economicamente falando, muitas empresas foram e continuam sendo prejudicadas pela tão necessária quarentena adotada como medida para frear o contágio. Sem poderem abrir os seus negócios e, consequentemente, lucrar, muitos empresários estão passando por graves problemas. Contudo, como citamos, a quarentena continua sendo uma medida essencial.

Tendo isso em mente, o Conselho Monetário Nacional anunciou medidas para ajudar quem continua tendo parcelas de imóveis para pagar mesmo sem poder trabalhar. No restante do texto abaixo, a Adriano Imóveis explica melhor o que foi anunciado pelo CMN e mostra que você, parte do grupo de proprietários de imóveis financiados, pode fazer o mesmo. Continue a leitura e confira!

 

Parcelas de financiamentos poderão ser congeladas

A principal das medidas anunciadas pelo Conselho Monetário Nacional decreta que todos os grandes bancos podem perdoar as parcelas de financiamento de imóveis nos próximos 60 dias, adiando o prazo de pagamento de duas prestações. O que ficou decretado é que tanto imóveis quanto carros podem se aproveitar da medida.

Com o adiamento, a taxa de juros é mantida e não há nenhuma multa ou qualquer outro tipo de taxa a mais. A única diferença é que os proprietários podem ficar dois meses sem pagar seu financiamento, e o mesmo aumenta em mais dois meses, visto que as duas parcelas serão deslocadas. No entanto, há um detalhe: as prestações devem estar em dia.

 

Veja como solicitar o congelamento em cada banco

Como cada banco possui métodos de operação diferentes, cada um deles anunciou a sua forma ideal de solicitar o adiamento das parcelas. A única orientação que é geral para todos é a de que os clientes não façam as solicitações nas agências, mas sim por outros canais, como internet e telefone. Acompanhe os detalhes de cada banco:

 

Caixa

A Caixa divulgou que, diferente de outros bancos, seu prazo será maior: ao invés de 60 dias seus clientes terão 90, aumentando o congelamento para três parcelas. Ela diz ainda que o pagamento através do FGTS não está incluído na modalidade. Por fim, o banco afirma que os pedidos serão efetivados em até dois dias.

 

Bradesco

Entre todos os bancos que se pronunciaram a respeito, o Bradesco foi o único que não deu muitos detalhes de como o seu adiamento funcionará. Por meio de nota, o banco somente afirmou que também dará a condição dos 60 dias para seus clientes que estiverem com as dívidas em dia.

 

Itaú

Já o Itaú, por sua vez, não apenas confirmou sua participação como também disponibilizou números de atendimento para quem quiser solicitar a condição. Quem tem o financiamento imobiliário com este banco e está em alguma capital ou região metropolitana pode ligar para o número 4004-7051. Quem está em outras localidades deve utilizar o 0300-789-7051. Em qualquer que seja o caso, o horário de atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 21h.

 

Santander

Por fim, o Santander foi quem teve um dos posicionamentos mais interessantes entre todos os bancos. Para ajudar seus clientes com dúvidas, o banco lançou a campanha “Santander te apoia”, com um site específico que dá mais informações sobre suas condições. Ele pode ser acessado através deste link.

 

E aí, também tem um financiamento imobiliário? Gostou de saber desta notícia? Em meio a tantas incertezas, receber uma notícia como esta sempre é reconfortante. Se gostou deste conteúdo e quer receber ainda mais, não deixe de acompanhar as redes sociais da Adriano Imóveis! Você pode nos encontrar no Facebook e no Instagram.

Você pode gostar

orçamento mensal

Como definir um orçamento mensal de gastos com aluguel?

alugar ou financiar

Alugar ou financiar um imóvel: qual a melhor opção?

reformas que valorizam um imóvel

3 reformas que valorizam um imóvel

kitnet

Loft, flat, studio e kitnet: qual é a diferença?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *